Novidades

Escuta Ativa

Uma das grandes habilidades do ser humano é a comunicação oral. Através do diálogo, as pessoas são capazes de falar e transmitir informações, mas também são capazes de adquirir novos conhecimentos. Parece simples, mas grande parte da população não consegue estabelecer um diálogo eficaz, pois muito do que é ouvido, não é de fato assimilado e interpretado pelo ouvinte, seja por falta de concentração, excesso de dados, etc.
Nesse sentido, a escuta ativa tornou-se uma técnica muito importante no que diz respeito ao estabelecimento de um diálogo eficiente entre interlocutor e ouvinte. A ferramenta consiste em uma pessoa transmitindo a mensagem e a outra ouvindo, compreendendo e interpretando com atenção as informações fornecidas, seja de forma verbal ou não verbal.
É importante evidenciar que praticar a escuta ativa não quer dizer que o ouvinte deve receber inúmeras informações passivamente, mas sim, que ele deve demonstrar interesse genuíno pela fala do interlocutor e assim, estabelecer um vínculo com o mesmo.
No ambiente corporativo, são inúmeras as situações em que a escuta ativa pode ser implementada: em uma reunião, ao ouvir um feedback, em uma instrução para a execução de uma tarefa, entre outras ocasiões. Tais momentos são oportunidades para escutar e adquirir informações e conhecimentos abundantes.
Para o gestor, ainda é uma oportunidade para melhorar o relacionamento e o desempenho da sua equipe, esclarecer dúvidas dos colaboradores, além de minimizar os conflitos presentes na rotina da empresa.
Leia a seguir, dicas para desenvolver a escuta ativa:

  • O primeiro passo para colocar em prática a escuta ativa é evitar as distrações e interrupções durante o diálogo, como celular, e-mails, telefonemas, conversas paralelas, etc;
  • Deixe o interlocutor a vontade, demonstre interesse pelo que ele tem a dizer e faça contato visual. Dessa forma, ele conseguirá se expressar corretamente e passará a mensagem desejada;
  • Ouça na essência e tenha foco. A escuta ativa diz respeito a interpretar a linguagem verbal e não verbal do interlocutor, trabalhe para compreender de forma eficaz aquilo que a pessoa está dizendo e transmitindo.
  • Não julgue e nem faça conclusões precipitadas a respeito das informações repassadas;
  • Faça perguntas para certificar se a mensagem foi assimilada corretamente e para ter mais informações acerca do assunto;
  • Utilize a linguagem corporal de forma positiva em seus gestos, postura, tom de voz e expressões, evidenciando ao interlocutor o seu interesse pelo diálogo;
  • Se coloque no lugar da pessoa, procure entender suas necessidades, motivações, expectativas, valores, etc;
  • No final do diálogo, forneça feedbacks ao interlocutor, expresse como as informações foram interpretadas, faça críticas construtivas e elogios.

Benefícios da escuta ativa
A prática da escuta ativa traz inúmeros benefícios para o ambiente corporativo. Conheça alguns deles:

  • Promove o relacionamento interpessoal;
  • Minimiza os conflitos organizacionais;
  • Gera confiança;
  • Desenvolve a comunicação holística;
  • Dispõe informações;
  • Otimiza o tempo;
  • Promove o trabalho em equipe;
  • Aumenta a segurança;
  • Desenvolve a empatia.

O saber ouvir é o primeiro passo para uma comunicação eficaz. Significa que mesmo não concordando com tudo que foi dito no diálogo, a pessoa teve interesse, ouviu e respeitou o outro. Essa habilidade permite que o interlocutor sinta-se valorizado e assim, torne-se mais flexível e aberto à mudanças, duas características muito importantes no meio empresarial.

You may also like

Banner Community

Leia mais