Conheça a origem da Global Mentoring Group e os objetivos da empresa

A Global Mentoring Group nasceu nos Estados Unidos, logo quando terminei um treinamento que fiz no MIT em junho de 2017. Assim que finalizamos as aulas, eu abri a câmera do computador e fiz uma transmissão direta, apresentando a Global e o primeiro treinamento da empresa, com uma certificação de mentoria para negócios.

Ao longo do tempo, percebemos que muitas pessoas que faziam o curso não possuíam interesse em mentorar negócios, mas sim profissionais e elas mesmas receberem a mentoria. Foi então que criamos o Mentor Extraordinário, o curso de maior sucesso da empresa, com mais de 2 mil mentores formados em 27 países e que alçou o nome da Global a um novo patamar.

Com isso foram criadas novas modalidades de imersão internacionais, aulas que foram passadas ao redor do mundo, como Cambridge, Vale do Silício, Londres, Lisboa e São Paulo. Além disso, criamos uma modalidade para treinadores, pessoas que gostariam de replicar o nosso método para certificar mentores com o selo da Global. Portanto, trata-se de uma empresa de apenas quatro anos, mas em franca expansão.

No início de 2020, fiz uma grande mudança e passei a morar em Portugal com minha família. Durante o processo também lançamos o curso do Mentor Extraordinário na língua espanhola, com entrada na Espanha, México, Colômbia, Uruguai e outros países da América Latina.

Sabemos que há um longo caminho pela frente, mas até o momento tivemos sucesso em reunir esses mentores formados dentro de uma comunidade, pessoas que acabam se tornando amigas, parceiros de negócios e, eventualmente, até mesmo sócios.

Atualmente, o meu interesse não é apenas me relacionar com essa comunidade no nível profissional, mas também no nível pessoal, como um amigo. Eu existo para contribuir com pessoas e organizações através do conhecimento, com um pequeno detalhe, no nível mais profundo, eu existo para mostrar como viver daquilo que você ama se transforma em abundância.

Foi isso que aconteceu comigo: tive experiências com diversas empresas, fechei algumas e abri outras, e então fundei a Global, onde me encontrei. Ela foi fruto de uma transição de carreira, então o convite que eu faço é para conhecer esse novo mundo e se pudermos ajudar de alguma forma será uma grande honra e satisfação.